Segurança na piscina para crianças

Segurança na piscina para crianças

18/03/2019 0 Por globaltechbrasil

Banho de piscina é sinônimo de diversão para qualquer banhista, independente da idade. Mas para as crianças esse momento é ainda mais repleto de alegria, além de contribuir com seu desenvolvimento e agregar os momentos com a família.

Contudo, o índice de acidentes envolvendo as crianças na piscina é grande, mas pode ser evitado, aumentando os momentos de felizes.

Para isso, separamos uma lista com 9 dicas que vão te ajudar e muito na hora de cuidar dos pequenos. Vamos lá?

  1. Fique sempre atento!

Não é só na piscina que devemos ficar atentos com o comportamento das crianças, porém, quando as brincadeiras forem na piscina, o cuidado deve ser redobrado. Assim, nunca permita que elas nadem sem a supervisão de um adulto, mesmo que essa criança tenha habilidades ou faça aula de natação frequentemente, é imprescindível estar perto.

  1. Converse com seu filho e deixe-o preparado para o lazer

Um dos motivos pelo qual as crianças são destemidas na piscina, é justamente por não saberem o perigo que ela apresenta. Dessa forma, o papel dos pais deve ser conversar com seus filhos e explicar sobre a periculosidade, porém, de modo que não assuste, mas que oriente sobre a importância da segurança neste momento de lazer.

Além disso, é importante investir em aulas de natação, afinal, essa atividade proporciona mais confiança e seguranças nos pequenos e nos pais também.

Banner Trocador de Calor1

  1. Proteja a área da piscina

É importante ter equipamento de segurança em toda piscina. Então, capa, cercas que contornem o perímetro da piscina, pisos antiderrapantes e até mesmo alarme anti-afogamento são ótimos aliados para continuar garantindo a festa.

  1. Atente-se para o ralo de sucção

Os acidentes com ralo de sucção, são na maioria das vezes inacreditáveis. Na maioria das vezes, eles acontecem pelo fato de cabelos, roupas ou joia enroscarem a ponto de impedir que a criança volte a superfície. Desse modo, nunca deixe seu filho brincar ou nadar perto de drenos e ralos de sucção.

Além desses cuidados, se você tem piscina em casa, é importante que as especificações hidráulicas e o dimensionamento dos equipamentos atendam as exigências impostas pela norma ABNT 10.339.

  1. Aposte em boias

Garantir a segurança na piscina pode ficar ainda mais fácil com as bóias. Aposte em bóias com certificação do INMETRO, se estiverem na categoria de brinquedo. Existem uma infinidade de modelos no mercado, basta encontrar aquela que se adequa melhor a necessidade da criança e que também seja confortável. Afinal, a intenção é aproveitar o lazer, não é mesmo? Além disso, você também pode considerar o uso de coletes. A Sociedade Brasileira de Pediatria e a Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático indica o uso de coletes para crianças menores de 4 anos, , uma vez que  são melhores que a boia de braço, pois elas podem ser facilmente retiradas, também não são recomendadas boias “tipo pneu”, pois elas podem escorregar do corpo da criança.

  1. Não se esqueça da iluminação

A iluminação da piscina é muito mais do que embelezamento e estilo, além de transformar a área do lazer, ela também valoriza pontos que precisam de luminosidade, uma vez que demarcam áreas de profundidade. Aposte em uma iluminação que contribua com a usabilidade da piscina para os pequenos.

  1. Cuidado objetos quebrados

Qualquer objeto quebrado, sejam eles, escadas, pisos, azulejos, cadeiras podem ir contra a segurança na piscina e isso não só para as crianças. Cuide da área de lazer e se certifique de que não há partes cortantes. Elimine qualquer material que coloque em risco a saúde dos banhistas.

Procure checar sempre:

  • azulejos;
  • piso;
  • escadas;
  • bordas;
  • equipamentos e acessórios.
  1. Faça a manutenção da piscina sem as crianças por perto

Faça a manutenção da piscina apenas quando ninguém estiver dentro. Algumas pessoas têm o hábito de deixar a motobomba ligada na hora do uso da piscina, contudo, essa prática não é recomendada, pois, alguns ralos podem sugar cabelos, boias, roupas ou até mesmo algum membro do corpo das crianças ou qualquer outra pessoa presente no momento.

  1. Cuidado com as brincadeiras impróprias

As brincadeiras na piscina são incríveis e para os pequenos, incansáveis, porém, algumas podem não ser apropriadas. Assim, oriente seu filho e garanta que ele tenha comportamento seguro, isso vai garantir mais segurança e com certeza mais diversão.

Dica bônus

Aproveite as brincadeiras e deixe o momento de lazer ainda mais legal. Explore os jogos. Como:

  • Elefante Colorido;
  • Queimada;
  • Corrida Submarina
  • Tabuada;
  • Marco Polo;
  • Caça ao Tesouro.

E não se esqueça, o uso do protetor solar é imprescindível para todos, sem exceção, ele também ajuda a compor a segurança, para crianças, esse cuidado é ainda maior, principalmente pelo fato de a pele ser mais sensível.

Agora é hora de aproveitar as dicas e correr para a diversão.

Se quiser saber mais, continue acompanhando o blog da Globaltech.


Saiba a importância de planejar a compra dos acessórios para sua piscina.

Planejar e Comprar acessórios para sua piscina!

A Globaltech Brasil tem uma linha completa de acessórios para você! Conheça nossos produtos: